terça-feira, agosto 03, 2010

Resumo para artigo SiGraDi 2010

SIGraDi, significa Sociedade Ibero-Americana de Gráfica Digital.


Anualmente, a Sociedade se encontra num congresso. O deste ano acontecerá em Bogotá, Colômbia, durante o mês de novembro e o Pet Arquitetura tem 3 estudantes - Camila Matos, Luciana Ximenes e Rebeca Gaspar - que estarão apresentando um artigo no congresso com orientação dos professores Clarissa Sampaio, nossa tutora e Daniel Cardoso.

O artigo insere-se na temática visualização e decisões.


Abaixo, segue o resumo do artigo aceito:

Diagramas Interativos: visualização e especulações sobre as dinâmicas urbanas



Resumo:

O presente trabalho tem o propósito de articular o Geoprocessamento aliado ao Design de Informação como uma ferramenta cognitiva aplicada ao planejamento urbano. Tal ferramenta torna-se útil à tomada de decisões ao facilitar o processo de transdução de dados em informação, transformando-os em imagens cognocíveis. Para esse exercício, propomos inferir sobre as dinâmicas e vetores de crescimento de um bairro da região metropolitana de Fortaleza - CE, Brasil, bem como especular acerca dos impactos da implantação de um novo Plano Diretor para o bairro.            

A realidade das dinâmicas urbanas apresenta-se complexa e portanto de difícil representação. Como esforço de simplificação cognitiva surgem as ferramentas de geoprocessamento, que criam bancos de dados geo-referenciados. Quando os dados são espacialmente referenciados, transformam-se em informação, permitindo assim que se aprofunde o conhecimento sobre a região a que dizem respeito. No contexto do planejamento urbano, esta seria uma primeira etapa de visualização num processo de estudo para a tomada de decisões.            

A relevância do trabalho está na importância da avaliação do processo decisório, e particularmente dos motivos que embasaram determinadas decisões, tendo em vista que as informações sobre a dinâmica urbana costumam ser acessíveis apenas a especialistas. A socialização destas informações ganha uma relevância particular, considerando o atual estágio do planejamento urbano onde o processo decisório na cidade tem sido cobrado a passar pelo crivo do controle da sociedade. E este controle fica bastante comprometido se não houver uma compreeensão da dinâmica urbana por todos os atores envolvidos.             

É neste contexto de dificuldade de compreeensão da dinâmica urbana, que tomamos por objeto de análise o bairro Cidade dos Funcionários localizado no principal eixo de crescimento do mercado imobiliário da cidade. A recente aprovação de um novo Plano Diretor Urbano (LC 062/2009) inseriu o bairro na Zona de Ocupação Moderada, na tentativa de conter a atual tendência de adensamento construtivo e populacional, estabelecendo taxas e índices que regulem seu crescimento. Para avaliar os efeitos dessa regulação, é sugerida a criação de uma interface de simples usabilidade no formato de dois diagramas interativos: o primeiro recupera a série histórica de ocupação do bairro através do cruzamento de diferentes elementos gráficos (relativos aos dados socio-economicos e disponibilidade de infra-estrutura, população, lotes, usos, dados ambientais etc.) e permite sua visualização ao longo do tempo passado e presente.  

O segundo permite a especulação a respeito das alterações dessas dinâmicas a partir da adoção dos novos parâmetros urbanísticos adotados no novo Plano Diretor. Nesta etapa criaremos cenários através do cruzamento dos mesmos elementos no futuro, permitindo uma avaliação das decisões tomadas durante a elaboração do Plano Diretor.Como resultado do trabalho, espera-se ampliar o conhecimento dos modos como as ferramentas para apresentação de informação são capazes de permitir um salto do patamar de conhecimento de uma realidade, informando o processo decisório e permitindo a participação efetiva da sociedade na adoção de medidas de controle urbanístico.

0 comentários:

Postar um comentário

Compartilhe

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More